Chamamento : MOVIMENTO TEATRAL DA BAIXADA SANTISTA

MOVIMENTO DE TEATRO DA BAIXADA SANTISTA: HOJE terça; dia 23 de abril a partir das 20h na Vila do Teatro -Praça dos Andradas, o Movimento Teatral da Baixada Santista convoca todos para uma reunião ampliada onde serão debatidas questões importantes para continuidade das ações como FESTA 55 e Reuniões Descentralizadas.
Contamos com a presença de todos!

reuniao

MAGIC SPACE FAZ NOVA EDIÇAO EM JANEIRO NA THE CLUB LITORAL.

MAGIC SPACE FAZ NOVA EDIÇAO EM JANEIRO NA THE CLUB LITORAL.

 

magic06

 

 

A festa MAGIC SPACE vem se consagrando como uma das grandes festas da Baixada Santista e também como uma das maiores Day Parties do Estado de São Paulo

 

 

A primeira edição aconteceu dia 16 de Setembro e foi chamada de [A FESTA] nesta edição a festa recebeu um pouco mais de 500 pessoas.  A segunda edição foi chamada [THE RETURN] já com novo local (THE CLUB LITORAL) e aconteceu no dia 21 de Outubro batendo mais um recorde em público recebendo um pouco mais de 900 pessoas. A terceira edição [THIRD DIMENSION] que aconteceu dia 18 de Novembro atingiu um publico estimado em um pouco mais de 1400 pessoas. A edição de Dezembro aconteceu no dia 30/12 reuniu mais de 2.500 pessoas durante as 22h de festa. Nada mal para uma festa que não tinha a menor pretensão de ir além da diversão entre amigos não é?

 

 

Em sua quinta edição chamada de MAGIC SPACE (PARADISE) os produtores Marcelo Marcello Raznieviskys e Raphael Luiz prometem mais uma festa inesquecível com um Line Up de primeira qualidade e muitas surpresas ao publico fiel da festa.  Esta edição acontecerá no dia 20/01 a partir das 09h00minh da manhã na The Club Litoral (Alameda Paulo Gonçalves, 680, Itararé, São Vicente-SP, Brasil. (0xx)13 3469-1727).

 

 

No Line Up já estão confirmados grandes nomes da cena eletrônica LGBTT Nacional. O conceito musical tem como foco a House Music em suas vertentes privilegiando sonoridades como Tribal e Progressive House.

 

Os DJS residentes Má Rodrigues e Raphael Rodriguez recebem como convidados nomes consagrados como: Alessandro Kalero, Ana Paula, Andre Passos, Patrick Sandim, Ramon Krisller e Robert Belli.

 

Dentre os destaques do Line Up estão o Top DJ e Produtor Patrick Sandim e o DJ Alessandro Kalero.

Como produtor Patrick Sandim ficou conhecido ao remixar à faixa Shake It, single lançado por Breno Barreto em parceria com Alex Marie. O sucesso da track nas pistas chamou a atenção dos produtores de Natalia Damini, com quem lançou o projeto remix para “Feelin’ The Love”, música que se tornou hit nas pistas e colocou o produtor entre os favoritos na capital paulistana. Trabalhou com importantes nomes como Filipe Guerra, remixando a faixa Take a Chance e Amannda, com remix para Hold Me Now. Em agosto, voltou a trabalhar com Natalia Damini, com o lançamento de It´s Over, single que precedeu o lançamento da faixa original “Call Me Bitch”, que pela primeira vez juntou duas divas nacionais em um mesmo projeto.

 

Paralelo ao sucesso comercial de Call Me bitch, Patrick Sandim apresentou “Naja”, single que estourou nas pistas, rodou o Brasil e consolidou o sucesso do produtor brasileiro. Para 2013, dois novos singles serão apresentados. For Real em featuring com Natalia Damini e uma nova faixa em parceria com a DJ Shine, ambas com previsão de lançamento para o primeiro semestre.

 

Alessandro Kalero carrega uma bagagem musical com mais de 16 anos de experiência. Atuando principalmente na cidade de São Paulo, tem um vasto currículo pelo Brasil, se apresentando nas principais baladas LGBTT. Atualmente e residente “Danger Club” em SP e do Dream After (Hotel Cambridge) também em SP.

 

 

Os ingressos antecipados estão disponíveis a R$ 25 com carteirinha de estudante ou flyer e são vendidos na THE CLUB LITORAL e nas lojas parceiras da festa na baixada Santista: Guegs Store e Proplastik no Gonzaga, Ozonio FIT no Boqueirão, ALA VIP no centro de Santos, Balboa Suplementos Nutricionais no Centro de São Vicente e na Proplastik Festas e Fantasias no Embaré em Santos. Em São Paulo: nas festas INFINITY do Leão Pegadas, NEW CLUB e TIC TAC PARTY.

 

Os aniversariantes do mês de Janeiro são VIPS, e precisam apenas enviar o nome completo, RG e data de nascimento para o INBOX do facebook MAGICSPACE AFESTA (https://www.facebook.com/groups/456270591070029/).

 

Blog da festa: http://afestamagicspace.blogspot.com.br/

 

 

 

 

SERVIÇO:

FESTA MAGIC SPACE (PARADISE)

Quando?  Domingo 20/01/2013 a partir das 09:00h

Onde? (The Club Litoral Alameda Paulo Gonçalves, 680, Itararé, São Vicente-SP, Brasil. (0xx)13 3469-1727).

Quanto?  25 reais – ingressos antecipados nos pontos de venda credenciados- na THE CLUB LITORAL e nas lojas parceiras da festa na baixada Santista: Guegs Store e Proplastik no Gonzaga, Ozônio FIT no Boqueirão, ALA VIP no centro de Santos, Balboa Suplementos Nutricionais no Centro de São Vicente e na Proplastik Festas e Fantasias no Embaré em Santos. Em São Paulo: nas festas INFINITY do Leão Pegadas, NEW CLUB e TIC TAC PARTY.

DJS residentes: Má Rodrigues e Raphael Rodriguez

Convidados: Alessandro Kalero, Ana Paula, Andre Passos, Patrick Sandim, Ramon Krisller e Robert Belli.

+ gogo boys, gogo girls e surpresas ao longo da festa.

Blog da festa: http://afestamagicspace.blogspot.com.br/

Cidades do Litoral de São Paulo recebem mostras e atividades do Festival Curta Santos

Moradores de Praia Grande, Juquiá, Cubatão, Santos e Bertioga poderão ver os filmes
que se destacaram na 10ª edição do Festival de Cinema de Santos, o Curta Santos

 

As cidades de Praia Grande, Cubatão, Guarujá, Juquiá, Bertioga e Santos recebem, entre 10 e 13 de dezembro, exibições simultâneas com um recorte da programação dos melhores momentos dos 10 anos do Curta Santos – Festival de Cinema de Santos, além de oficinas de realização audiovisual, totalmente gratuitas. A itinerância, segundo a organização do evento, tem como objetivo primordial, valorizar, incentivar e discutir a diversidade audiovisual na Região Metropolitana da Baixada Santista e do Vale do Ribeira, destacando, entretanto, a identidade cultural do Litoral de São Paulo, criando sinergia e trânsito de ideais e conceitos entre os produtores.

 

As produções na programação estão voltadas a todos os públicos. Dos jovens, até chegar na melhor idade: há filmes para todos os gostos. Para os admiradores do futebol arte do Santos Futebol Clube, por exemplo, será exibido o curta vencedor da Mostra Curta Santos F.C. “Meninos da Fila”, de Ciro Hamen, que conta a história da geração que ficou 18 anos sem ver o time alvinegro vencer nenhum título expressivo. Destaque também para a presença do filme de Daniel Ribeiro, “Não quero voltar Sozinho”, premiado e reconhecido pela crítica internacional como um dos melhores curtas dessa geração. A programação completa está disponível no site oficial do evento, www.curtasantos.com.br.

 

Entre as atividades formativas, a oficina de Produção Executiva Audiovisual, com Simone Brown, mostra ao aluno como gerenciar as tarefas administrativas, técnicas e artísticas diante de um produto cinematográfico. Já o diretor Kennedy Lui, da Gravata Florida Filmes, ministra a oficina de Introdução à Linguagem do Videoclipe, que apresenta um breve, porém completo panorama sobre linguagens e tendências na área. Já a produtora Thatia de Freitas, ministra o workshop Audiovisual na Sala de Aula, que explora os desmembramentos do cinema e da produção audiovisual como ferramenta complementar no ensino.

 

O FESTIVAL

 

Neste ano, ao completar 10 anos de atividades, o Curta Santos trouxe a cidade grandes nomes do cinema nacional. Longas premiados como Febre do rato de Cláudio Assis, Colegas de Marcelo Galvão, Vou rifar meu coração de Ana Rieper entre outros fizeram parte da programação. Laura Cardoso, grande dama dos palcos e das telas foi homenageada com o Troféu Lilian Lemmertz pela sua ampla carreira, assim como Selton Mello, que recebeu o Prêmio Cláudio Mamberti e que agora disputa uma vaga entre os cinco indicados para concorrer ao Oscar de filme estrangeiro com seu segundo longa “O palhaço” e atualmente está no ar com a série “Sala de terapia” com sua direção.

 

O ator e diretor santista Sérgio Mamberti recebeu uma estrela na Calçada da fama do Cine Roxy, eternizando seu nome junto a outros santistas ilustres no mundo das artes como Bete Mendes, Ney Latorraca, Gilberto Mendes, Toninho Dantas entre outros. O jogador Neymar Jr também teve seu nome gravado na Calçada da fama em função do tema do Curta Santos esse ano, Curta Santos F. C. que celebrou o centenário de vitórias do Peixe. Neymar se junta a Pelé, na calçada do Cine Roxy, o palácio do Curta Santos.  Mauricio de Souza, criador da Turma da Mônica, que vai lançar um gibi com o jogador esteve presente na inauguração da Estrela de Neymar.

 

REALIZAÇÃO

 

A Itinerância do 10º Curta Santos – Festival de Cinema de Santos é uma realização da Associação dos Artistas e da Associação Cultural Olhar Caiçara. Conta, ainda, com o apoio do Governo do Estado de São Paulo e das Prefeituras das cidades de Praia Grande, Cubatão, Guarujá, Juquiá, Bertioga e Santos.

 

 

PROGRAMAÇÃO – ITINERÂNCIA X CURTA SANTOS

 

 

CUBATÃO

Dias 10 e 11 / 12  – 19h às 22h

 

Local: Novo Parque Anilinas

Avenida 9 de abril , s/n

WORKSHOP DE PRODUÇÃO EXECUTIVA PARA AUDIOVISUAL

Coordenação: Simone Brown

 

Dias 12 e 13 / 12 – 19h às 22h

 

Local: Novo Parque Anilinas

Avenida 9 de abril , s/n

WORKSHOP: INTRODUÇÃO A LINGUAGEM DO VIDEOCLIPE

Coordenação: Kennedy Lui – Gravatas Florida Filmes

 

Dia 13/12 – 19h

 

Local: Praça das Crianças

Final da Rua 16 – Pinhal do Miranda

CURTA MATINÊ

 

GUARUJÁ

Dia 10/12 – 14 horas

Local: CAAT – Centro de Atendimento ao Idoso

Avenida Ademar de Barros 571 – Jardim Sto Antonio – Guarujá.

CURTA MELHOR IDADE

 

Dia 11/ 12 –  9 horas

 

Local: Centro Esportivo Duque de Caxias – Tejereba

Praça Horácio Lafer s/nº – Jardim Tejereba – Guaruja.

CURTA SANTOS FUTEBOL CLUBE

 

JUQUIÁ

 

Local: Casa da Cultura “O IMIGRANTE “

Rua 10 de abril, s/n – Centro

Dia 10/12

 

14h – CURTA MATINE

16h – CURTA SANTOS FUTEBOL CLUBE

20h – CURTA GALERA

 

 

Dia 11/12 – 13h às 17h

 

WORKSHOP: INTRODUÇÃO A LINGUAGEM DO VIDEOCLIPE

Coordenação: Kennedy Lui – Gravatas Florida Filmes

 

Dia 12/12

 

14h – CURTA MATINE

16h – CURTA SANTOS FUTEBOL CLUBE

20h – CURTA GALERA

 

Dia 13/12

 

14h – CURTA MATINE

16h – CURTA SANTOS FUTEBOL CLUBE

20h – CURTA GALERA

 

PRAIA GRANDE

 

Local: Palacio da Artes

Avenida Costa e Silva , 1600 – Boqueirão

 

Dia 12/ 12 – 13h ás 17h

 

WORKSHOP: INTRODUÇÃO A LINGUAGEM DO VIDEOCLIPE

Coordenação: Kennedy Lui – Gravatas Florida Filmes

 

Dia 13/12

 

15h – CURTA GALERA

 

BERTIOGA

Dia 13/12 – 14h30

 

Local: Casa da Cultura

Avenida Tomé de Souza, 130 – Centro

CURTA GALERA

 

 

SANTOS

 

Local: AMEM – Assistência ao Menor Enfermo Mental

Rua: Prudente de Morais, 55 – Vila Mathias

 

Dia 10  – 9h às 12h e 14h as 17h

 

WORKSHOP: O AUDIOVISUAL NA SALA DE AULA

Coordenação: Thatia de Freitas

 

Dia 11/12

 

9h – CURTA MATINE PG 1

15 – CURTA MATINE PG 2

 

Dia 12 –  9h às 12h e 14h ás 17h

 

WORKSHOP: O AUDIOVISUAL NA SALA DE AULA

Coordenação: Thatia de Freitas

 

 

Dia 13/12

 

9h – CURTA MATINE PG 1

15 – CURTA MATINE PG 2

 

SANSEX- Entrevista | Dri Zigotto apresenta a sua ‘Terapia’

Uma trama, uma terapia e dois resultados. Esse é o mote de ‘Terapia’, comédia ambientada na Baixada Santista que será exibida na 2ª Sansex. A sessão gratuita desse curta-metragem será no dia 29/nov, às 20h30, no Cine Roxy 4 (Av. Ana Costa, 465/Santos). Na história, uma terapeuta e sexóloga ajuda seu taxista, com técnicas e métodos sexuais, a salvar seu casamento em crise.

O filme é estrelado por Vanessa Medeiros, Pasquale Micillo e Alessandra Santana e tem na equipe de produção: Jacqueline Barboza, Natasha Sanchez e Rafela Lela. A direção e roteiro são assinados por Dri Zigotto, que considera o seu primeiro curta-metragem – um trabalho universitário – como um grande desafio. “Teria que dar a ele uma sensibilidade feminina para não deixar o filme escrachado, que as pessoas entendessem a pegada da mensagem e surpreende-se o espectador”.

Com o roteiro pronto, durante meses a equipe se desdobrou para conseguir as 11 locações do curta-metragem, fazer a seleção de atores, gravar improvisadamente com uma única câmera. “A cena da briga do casal, usamos uma grua humana como se estivéssemos brincando de cavalinho, a diretora de fotografia subiu em meus ombros e comecei a correr em volta dos atores”. Aliás, pelas circunstâncias técnicas, o áudio precisou até ser refeito em estúdio. Um trabalho, ao todo, de noventa dias, em que serviu de crescimento profissional para toda a equipe. Confira a entrevista:

1) É mais difícil trabalhar a comédia ao invés do drama? Estamos tão envolvidos com todo o processo que chegou uma hora que tínhamos certeza que ‘Terapia’ era um drama (risos). Fiz o roteiro como comédia e sempre foi uma comedia. Quando começamos a edição ficamos com duvida do gênero, passou a ser drama. Só tivemos a confirmação do gênero quando ele foi visto pela primeira fez e a reação das pessoas era rir. Pensei “xeque-mate, comédia!”. O meu ponto de vista é que a dificuldade é igual para qualquer gênero, pois se houver falha na essência da mensagem que quer passar para o espectador a cena vai ficar perdida e o entendimento difícil para o público. Claro que a parte do clímax do roteiro seja mais complicada para o drama, pois a cena tem que ser bem mais forte do que em uma comédia.

2) O que você espera que o público reflita após assistir ao seu filme? No jogo de cintura que podemos ter para resolver situações do nosso cotidiano, espero que, com o filme, o público reflita que sem pisar ou machucar ninguém. Devemos deixar o outro bem para seguir sua vida e saber que existe várias formas de amar, que sexo é natural e o que importa é estar feliz. É exatamente assim que acontece em ‘Terapia’. Cada um segue a sua sua vida da forma como quer e todos terminam bem.

3) No filme, há uma sexóloga. Na sua opinião, o sexo ainda é um tabu na atualidade? Quais questões referentes ao sexo são tabus no nosso dia-a-dia? Infelizmente ainda é um tabu, claro que as coisas estão evoluindo perto do que era antes, mais é um assunto que quando tocado todos prestam atenção, alguns ainda se chocam. Mas se interessam sem deixar pista que estão ligando, ou criticam e acabam procurando o tema em algum lugar quando estão sozinhos. As frases da Doutora Helena é exatamente o que penso: sexo todo mundo gosta, todo mundo quer, se você diz que não curte, veja seus conceitos, pois o problema não está no sexo e sim no parceiro.

Sexo é igual a prazer, e isso é algo liberado pelo nosso cérebro que acaba mexendo com todo corpo, e acabamos querendo mais de qualquer forma pois ficamos com essa sensação em nossa lembrança e nosso corpo pedi mais. Isso é tão fato que quando o sexo é conduzido da mesma forma todas as vezes, inconscientemente nosso cérebro começa a perceber que tem algo errado (rotina) e começa a querer inovação. E aí que tudo faz a diferença e entra o grande tabu: entre quatro paredes tudo é valido, você não será menos homem ou mulher se desejar algo diferente.

Revista Mirante, de Santos, celebra 30 anos de disseminação cultural

A 79ª edição da revista Mirante não é uma edição qualquer: celebra os 30 anos da publicação literária independente mais antiga do país. O evento, multicultural, será neste sábado (24), a partir das 20h, no Ao Café.
A noite terá, além do lançamento, com as presenças dos editores Valdir Alvarenga, Sidney Sanctus e Irene Estrela Bulhões, e colaboradores, danças do ventre, cigana, do leque, e leitura da borra do café, com Yam.
Com 82 páginas, e preço de R$ 10, cada exemplar da Mirante presenteia o leitor com poesia, prosa, caricaturas, críticas de cinema, desenhos, entre outras formas de expressão artística.

Nesta ocasião, especialmente, a revista traça um retrospecto de suas três décadas de atuação.

Em sua trajetória, a publicação resgatou a obra de autores consagrados – publicou textos de Vinícius de Moraes, Rimbaud, Pablo Neruda e T.S. Eliot, entre outros -, bem como disseminou autores da Baixada Santista – Roldão, Madô Martins, Narciso de Andrade, Carolina Ramos, Sidney Sanctus – e outras localidades do país e até Portugal. São mais de cem autores e artistas publicados.

A cada edição traz um tema em destaque, seja ligado ao signo do mês, bem como a datas importantes.

Realizada dessa forma, mantém uma forte ligação com o passado, em alguns casos um passado quase esquecido e ressuscitado pela publicação, porém sem esquecer a modernidade.

Serviço:
Lançamento da Mirante 79 – especial 30 anos

Quando: Sábado, 24 de novembro, 20h
Onde: Ao Café – Av. Siqueira Campos, 462, Boqueirão, esquina do Caal 4 com a rua Lobo Vianna
Entrada franca

História

Fim dos anos 70, começo dos 80. Os militares ainda estavam no poder, mas teriam apenas mais alguns poucos anos no (des)comando político do Brasil. Na capital Brasília, Renato Russo e companhia, garotos endinheirados, filhos de diplomatas e políticos e, em São Paulo, uma molecada da Zona Leste, que precisava batalhar o pão de cada dia, tinham algo em comum: descobriam a liberdade de criação musical pelo punk rock. Influenciados pelo lema “faça você mesmo”, que já havia eclodido no Reino Unido e nos EUA, criavam música sem esperarem o apoio das grandes gravadoras.

Outros jovens, de Santos, litoral paulista, sem ligação com o punk e nem a influência estrangeira, faziam eles mesmos a difusão da literatura através do Picaré: núcleo de escritores criado por Raul Christiano Sanchez e Rafael Marques em 1979. Assim como os músicos que atuavam fora do mainstream, e por isso muitas vezes incompreendidos por cabeças reacionárias, os escritores do grupo, de cunho antiacademicista, realizavam o que ficou conhecida como poesia marginal. Fez-se então o embrião do que, pouco tempo depois, seria a Mirante
Um dos grandes marcos na época do Picaré foi a Feira de Literatura Independente, de 1981, onde a poesia dominou o foyer do Teatro Municipal de Santos por uma semana, com mostras de livros, varais de poesia, recitais e mesas redondas, tomadas por autores de todos os cantos do Brasil. “No final do evento, a apoteose: Santos, cidade de memoráveis passeatas de reivindicações políticas e estudantis, pela primeira vez viu uma passeata poética, que seguiu pela avenida Ana Costa, rumo à praça Independência”, recorda Valdir. No evento, encontravam-se Antonio Canuto, Edilza de Souza, Sergio Marques Ferreira, Orleyd Faya, Fausto José, Vieira Vivo, Inês Bari, Sidney Sanctus, que viria a se tornar coeditor da revista, e o próprio Valdir.

Durante sua existência, o Picaré editou e lançou importantes trabalhos, como Plenilúnio, primeiro livro de Valdir; Sol da Noite, de Inês Bari; Caosurbanocromia, de Alex Sakai, e Fruto Futuro, de Canuto, além de A Produção Independente na Literatura, catálogo para o movimento produzido por Raul Christiano. “Mas como tudo – na vida – que começa tem um fim, o grupo Picaré encerrou suas atividades pesqueiro-poéticas, mas seu espírito continuou e continua através de Mirante”, diz Alvarenga.


O começo e o crescimento da revista “mutante”

Em 1982, Valdir e Antônio Canuto, numa necessidade quase física em continuar a produção literária alternativa e abrir espaço para novos autores, criaram a Mirante, de postura ética livre e engajamento político e partidário diferente da linha editorial do Picaré. O nome foi escolhido por Alvarenga: “No morro da Penha, onde fui criado, havia um mirante que me possibilitava avistar a Cidade”, lembra.
Desde então, a revista desenvolveu seu caráter “mutante”, como costuma definir o editor. Feita a partir de folhas de sulfite A4 e então mimeografada, a Mirante trouxe em seu número 1 “A Arte de Araquém (Alcântara)”, fotógrafo que teria seu trabalho reconhecido internacionalmente, e uma célebre entrevista com o jornalista e escritor Roldão Mendes Rosa, falecido em janeiro de 1988. Vale republicar trecho da matéria, reproduzido em reportagem do jornal A Tribuna, de Santos, em 12 de abril de 2010.

Ao ser perguntado sobre qual a importância das academias para a literatura, Roldão respondeu: “Se um dia as academias fossem fechadas – eu não defendo isso, a vida literária continuaria a fluir do mesmo modo. Quem cultiva rosas continuaria a cultivá-las e quem planta batatas continuaria a plantar batatas. O que interessa das academias, atualmente, é o prêmio literário. O premiado edita seus poemas, fica um mês de papo pro ar e compra um tênis na esquina”, disparou.

E a Mirante seguiu a passos largos e independentes sem render-se à academia e ao mainstream, muitas vezes fazendo mais pela cultura do que determinadas entidades oficiais.

 

Humorista Caio Marques comanda o Comedia no Buda todos os Domingos

 

Todos os Domingos no Buda Bistrô tem a noite mais hilariante da Baixada Santista com o melhor do Stand Up Comedy trazendo toda semana novos humoristas.

 

Promoções Double caipirinha e casal só paga uma entrada….

 

horário: 21h

Entrada: 15 Reais

Zebra Zebra lança clipe novo neste domingo no Studio Rock Café

Zebra Zebra lança clipe novo

A banda Zebra Zebra se prepara para lançar seu sexto clipe. A faixa escolhida é “Bonita”, música que abre o EP “Agora é que são elas”. O clipe foi financiado através de crowndfunding, ou financiamento coletivo.

Fãs e amigos de todo Brasil arrecadaram a verba suficiente para mais uma grande produção.  “Bonita” se passa em um supermercado no Guarujá (Supermercado da Barra), em que os integrantes da banda são funcionários.

A produção promete arrancar muitos risos, e já foi selecionada para o 10º Curta Santos, o maior festival audiovisual do litoral de São Paulo. Dirigido por Kennedy Lui e Ricardo Santini, “Bonita” tem no elenco os atores Deolinda Patrício e Luiz Fernando Almeida e  terá uma festa de lançamento, domingo 02 de setembro, com as bandas Zebra Zebra e The Bombers no Studio Rock Café, no Gonzaga, Santos.

No dia seguinte, 03 de setembro, às 11h, o clipe será lançado simultaneamente em diversos sites: Zonapunk, Tenho Mais Discos que Amigos, MúsicaPavê, Blog’n’Roll, Juicy Santos e Cena da Baixada.

O quarteto da Baixada Santista já tem um histórico boas realizações audiovisuais. Já são 12 prêmios, sendo 8  só no Curta Santos.

ONG TAMTAM faz desfile inclusivo e beneficente dia 21/08, na Capital Disco.

Encontro será na Capital Disco, a partir das 20h, e arrecadará fundos para a Associação Projeto TAMTAM

 “E aí, beleza? Eu sou assim!” é parte de ações que promovem e potencializam um “outro olhar acerca da beleza”, proporcionando encontros e troca entre parceiros, amigos, beneficiários e familiares, a fim de divulgar e celebrar as diferenças. Em 21 de agosto, uma terça-feira, a partir das 20h, na Capital Disco, o público da Baixada Santista poderá conferir o resultado do projeto, em um desfile que promete muitas surpresas. Na terceira edição do encontro, serão mais de 70 “modelos” de vários segmentos: crianças, jovens, adultos, idosos, com e sem múltiplas deficiências, síndromes ou distúrbios, também modelos especiais ligados ao movimento GLBTS, lideranças comunitárias, políticos, profissionais da área da comunicação e a ex-judoca Danielle Zangrando, acompanhada da filha. Duas noivas desfilarão.

A entrada é R$ 30,00. Toda a renda será revertida para as atividades diárias da Associação Projeto TAMTAM, já que a ONG não conta com nenhum tipo de apoio ou subvenção financeira.

O evento acontece após a Conquista do Prêmio Cultura e Saúde, da Secretaria de Cidadania e Diversidade Cultural do MINC, celebrando a conquista e ampliando os olhares da cidade como um todo. Para essa realização fez-se necessário um espaço maior, através da parceria com o Grupo Mendes, que cedeu a Capital Disco.

O desfile

A “produção” do evento está sendo feita “a todo vapor” – mais de cem peças entre vestidos, saias, blusas, calças, acessórios, estão sendo feitas com milhares de retalhos de tecidos de todos os tipos. Na produção, mães, alunos, voluntários e parceiros especiais como a costureira Glaucia Lourenço, que criará looks únicos para um momento especial com todas as crianças e convidados especiais, que usarão uma criação da Dhuo Moda, exclusiva para o momento.

Cenas performáticas serão entremeadas com o desfile dos looks na passarela, um filme sobre a ONG será criado por Cristina Sara, do Estudio 58, e os convidados participarão de Sorteios de dois Tablets e roupas da Uó do Borogodó e Beneditta, além receberem ao final um “presente especial” que simbolizará o amor e a loucura em infinita união. São 500 brindes confeccionados mão a mão para cada convidado.

“Nosso dia a dia é uma verdadeira “terapia comunitária”, pois muitos podem manifestar-se sobre a importância de ser, o que se é, sendo acima de tudo feliz, compartilhando as diferenças e a potencialidade de cada um”, explica Claudia Alonso. Segundo a coordenadora da ONG, há um significativo aumento na qualidade relacional das pessoas e na saúde mental coletiva. Todas as segundas e quartas feiras ininterruptamente, um grupo de mães e voluntários se reúne para reciclar e reutilizar tecidos e diversos materiais. O grupo produziu mais de 300 porta-retratos que estão no cenário dos figurinos para peças de teatro, lembranças em datas comemorativas e, é claro, todos os looks que estarão no Desfile.

“É algo maravilhoso. Representa a projeção de uma beleza interior. Essa integração com nossos filhos e amigos”, celebra Suzane de Souza Silva, mãe de Renan Ayres Silva, aluno do Encontros e do Jazz. Já para Arminda Aparecida Melão, mãe da Nayanne, participar do desfile “é bom para o corpo e a alma”. “A pessoa se solta e enxergamos, nela, a felicidade estampada. Mexe com a cabeça das pessoas, que são capazes de fazer isso e muito mais. Não temos limite”, afirma. Tanto mães como os alunos participarão do desfile.

“Eu sou assim!”

O diálogo e o celebrar das diferenças permitem ao grupo de beneficiários e seus familiares, novas perspectivas e um novo alimento para o futuro. Outros talentos foram sendo despertados e valorizados, respeitando potencias e habilidades de cada um dos participantes. Assim, os encontros de grupos de mães, outrora sazonais e, realizados apenas para a realização dos Desfiles nos anos de 2008 e 2009, agora tem novos rumos: hoje as oficinas ocorrem duas vezes por semana e, por vezes, aos sábados a tarde – um verdadeiro encontro de potências e talentos que despertam a cada dia.

“O projeto é mais do que falar de estética. Fala de estética, mas de um modo novo, um olhar melhor para a beleza, não somente a beleza física. O que é a estética? Em um momento em que o Brasil se mostra diferente, estamos renovando as pessoas. As pessoas de outros países querem conhecer o Brasil. Participei de um Encontro e um jovem, quando chamado, disse: ‘eu sou cego’. Ele tem esse problema, mas vive, tem amigos, participa de várias atividades, é feliz, seguro. Essa é a ideia do ‘eu sou assim’: não ter vergonha, tratar todos como seres humanos, independente da classe social, estilo, etc”, diz Renato Di Renzo, criador e coordenador da TAMTAM.

Uma verdadeira rede solidária está formada para esse grande momento e a frase principal é: “É por causa deles que causamos cada vez mais!”: Estudio 58 Imagens Aéreas; Gráfica Demar; Gardenia Flores; Renata Gaia; Potenza; La Vie Retrô Hair; Zezé Coiffeur; Ghaoui Publicidade; Dhuo Moda; Conceito 7; Beneditta; Uó do Borogodó; Masano Eventos.

Serviço:

E aí, beleza? Eu sou assim! – Um Louco Evento
Quando: Terça, 21 de agosto de 2012, 20h
Onde: Capital Disco – Av. Francisco Glicério, 206, Gonzaga
Entrada: R$ 30,00 (a renda será revertida para a Associação Projeto TAMTAM)
Informações: 13 9168-7449 – 9104-3312

A ONG TAMTAM atua em Santos, na área de arte, diversidade e saúde mental, oportunizando para a população o acesso à cultura, em ações que promovem diariamente a inclusão. As atividades promovidas pela entidade são: Teatro para crianças, jovens e adultos, Balé e Jazz, Literatura e Poesia, Reciclagem e reutilização de objetos, além de oficinas, palestras e ações junto às comunidades. Todas as ações são inclusivas. Atualmente a instituição atende gratuitamente 160 beneficiários.

O Rolidei fica no 3º piso do Centro de Cultura Patrícia Galvão (Av. Pinheiro Machado, 48, Vila Mathias). Outras informações: (13) 9168-7449 e 9124-6493.

Clube do Blues traz a Santos Lurrie Bell e Big Chico

Um dos maiores nomes do blues da atualidade, Lurrie Bell, filho do não menos lendário Carey Bell, abre a turnê brasileira em Santos. É na terça-feira, dia 07 de agosto, às 20h30, no Studio Rock Café. A produção é do Mannish Blog

Lurrie Bell – Lurrie é um dos maiores nomes do blues mundial. É filho do lendário gaitista Carey Bell, sidemam de Muddy Waters.
Discípulo do grande compositor Willie Dixon, formou nos anos 70 a super banda Sons of Blues, com Billy Branch e Freddie Dixon. Ganharam destaque nas conceituadíssimas Alligator Records e Delmark Records. Depois disso, Lurrie tocou com várias lendas de Chicago como Koko Taylor, Jimmy Dawkins, Tail Dragger, Bob Stroger, Buddy Guy.
Recentemente foi indicado ao Grammy, juntamente com os ícones do blues Billy Boy Arnold, John Primer e Billy Branch, no CD/DVD Chicago Blues – A Living History.
Big Chico – Ele faz parte da segunda geração do blues nacional e, assim como Igor Prado e Ivan Márcio, vem realizando vôos bem sucedidos fora do Brasil. Excursionando e gravando CDs.
Ao mesno tempo em que lança seu primeiro DVD, Big Chico toca ao lado de seu ídolo em turnê brasileira. Em Santos ele promete um show acústico com o melhor do blues mundial. Estados Unidos e Brasil.
Nasce o Clube do Blues – Ele não tem diretoria. Ele não tem carteirinha. Mas tem música da pesada. E os associados são todas as pessoas que curtem o bom e velho blues.
Inspirado no Clube do Blues do Rio de Janeiro, a Mannish Boy Produções, com apoio do Studio Rock Café, criou o Clube do Blues de Santos. O Studio Rock Café é o melhor clube rock and roll da Baixada Santista.
A proposta é a mesma da edição da cidade maravilhosa, juntar músicos de blues brasileiros para tocar clássicos do gênero e consolidar um lugar como ponto de encontro entre as pessoas que curtem esse gênero musical.
O Clube do Blues do Rio de Janeiro foi criado pela cozinha etílica, Cláudio Bedran (baixo) e Pedro Strasser (bateria). Conta ainda com Maurício Sahady (guitarra) no time fixo e recebe convidados para jam-sessions.
O mesmo vai acontecer no Clube do Blues de Santos, o time principal será João Augusto (guitarra e voz), Filippe Dias (guitarra e voz), Jeferson Rodrigues (bateria) e Álvaro Alves (baixo). Mas a intenção é convidar os músicos de blues de São Paulo, Rio de Janeiro e os de outros estados que passarem pela cidade e até internacionais.
As diferenças são poucas. Lá na cidade maravilhosa as apresentações acontecem às segundas-feiras, a partir das 20h. Em Santos, as reuniões acontecem às terças-feiras, no mesmo horário, a cada 15 dias.
As jams acontecem cedo para que as pessoas possam voltar cedo pra casa. O clube de Santos foi criado após uma visita ao Clube do Blues Original no Rio de Janeiro. O Maurício Sahady esteve em Santos e me convidou para ir ao Bar do B, onde os músicos de blues cariocas se reúnem. Então fui ao Rio ouvir os caras e vi que o clima do lugar era muito legal, em plena segunda-feira chuvosa o lugar estava cheio. Deu vontade de fazer em Santos na hora. É uma alternativa aos gêneros musicais que imperam na cidade.
O valor do couvert é simbólico, R$ 12 reais, e os músicos vão fazer duas entradas de 40 minutos. Atrações internacionais o valor do couvert sofrerá alteração.
A Mannish Boy Produções já trouxe a Santos alguns dos maiores nomes do blues e do jazz nacionais e internacionais, como Magic Slim, Peter Madcat, Eric Gales, Lynwood Slim, James Wheeler, Shirley King, John Pizzarelli, Freedie Cole, Bad Plus, Stanley Jordan, Kenny Brown, Big Joe Manfra, Blue Jeans, Igor Prado Blues Band, Róbson Fernandes, Maurício Sahady, Ivan Márcio, Giba Byblos, Caviars Blues Band, Big Chico e Big Gilson.

Produção: 
Mannish Boy Produções Artísticas http://www.mannishblog.blogspot.com e Studio Rock Café http://www.studiorockcafe.com.br
Apoios: Agência Urbana e Executiva Contabilidade.

Serviço:
Clube do Blues de Santos
Próxima atração: Lurrie Bell e Big Chico
Data: Terça-feira, dia 07 de agosto
Horário: 20h30
Local: Studio Rock Café
Endereço: Av. Marechal Deodoro, 110 – Gonzaga – Santos
Preço: R$ 30,00 (couvert)

Próximas datas até o final do ano: 07 de agosto (Lurrie Bell e Big Chico); 21 de agosto (Baby Labarba e Fabio Brum); 04 de setembro (banda Clube do Blues); 18 de setembro (Mauro Hector Trio); 02 de outubro (banda Clube do Blues); 16 de outubro (Cláudio Celso e Banda); 30 de outubro; 13 de novembro; 27 de novembro e 11 dezembro.