Comissão da Câmara aprova regulamentação da meia-entrada

A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) da Câmara aprovou nesta quarta-feira (24/4) o Projeto de Lei 4571/08, do Senado, que regulamenta a meia-entrada para estudantes e idosos em cinemas, teatros, competições esportivas e espetáculos culturais. Pelo texto, a concessão do direito é assegurada a 40% do total dos ingressos disponíveis para cada evento.

O deputado Ademir Camilo (PSD-MG) apresentará um recurso para que o projeto seja analisado pelo Plenário. Ele já obteve 125 assinaturas de apoio, mais do que os 10% necessários para que o recurso seja acatado.

O deputado Esperidião Amin (PP-SC), que apresentou um dos destaques à proposta, acredita na ação do Executivo para alterar o projeto. Ele lembrou que a Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República foi contra a limitação do direito à meia-entrada para idosos em 40% do total. O Estatuto do Idoso (Lei 10.741/03) não prevê limite para a aquisição de meia-entrada por idosos.

A CCJ rejeitou os destaques para retirar os idosos do projeto, entre eles o de Amin. “Estamos reduzindo em 60% a possibilidade de o idoso exercer um direito que ele tem”, disse o deputado. Segundo ele, a Secretaria de Direitos Humanos do governo pediu para o Congresso rever a medida.

Já o deputado Eduardo Azeredo (PSDB-MG), um dos autores da proposta, rebateu e afirmou que a meia-entrada para eventos esportivos é limitada a 10% dos ingressos e não há questionamento sobre isso. “Se nós excluirmos os idosos [da proposta],cai por terra o entendimento entre a classe artística e os estudantes”, afirmou.

Beneficiários – O relator do projeto, deputado Vicente Candido (PT-SP), apresentou na terça-feira (23) emendas que, entre outras medidas, incluem entre os beneficiários as pessoas com deficiência e seu acompanhante, se for necessário.

Também poderão ter direito à meia-entrada os cidadãos de 15 a 29 anos inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal, cuja renda familiar mensal seja de até dois salários mínimos.

Todas as categorias de beneficiários ficam incluídas no percentual de 40%, que não valerá para a Copa das Confederações deste ano, a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016.

O relator também aceitou hoje emendas para inibir fraudes nas carteiras para conseguir a meia-entrada. Com a mudança, quem fraudar poderá perder a possibilidade de emitir carteiras. Ele também alterou o texto para garantir publicidade ao modelo desses documentos.

Emissão das carteirinhas – De acordo com a proposta, a meia-entrada para estudantes será concedida mediante a apresentação, pelo estudante, da Carteira de Identificação Estudantil, que terá um modelo único em todo o País.

Outra emenda apresentada na terça define que o documento apenas poderá ser emitido pela Associação Nacional de Pós-Graduandos (ANPG), pela União Nacional dos Estudantes (UNE), pela União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (UBes), pelas entidades estaduais e municipais filiadas a elas e pelos Diretórios Centrais dos Estudantes (DCEs), além de centros e diretórios acadêmicos.

O deputado Ademir Camilo (PSD-MG) questionou a exclusividade da emissão das carteirinhas pelas entidades. Ele lembrou que o texto do Estatuto da Juventude, reenviado à Câmara após aprovação pelo Senado, não fala em exclusividade de emissão da carteira para estudantes, mas apenas prioriza a emissão pela UNE, UBes e ANPG. “O Estatuto da Juventude fala de emissão preferencial por essas entidades. Teremos conflito de leis e isso atrasará o projeto”, afirmou. Ele também questionou a falta de um padrão para as carteiras emitidas e uma regularização mais clara sobre como será feita a fiscalização da meia-entrada.

Sobre este tema da padronização, Camilo se reunirá com representantes da União Nacional dos Estudantes (UNE). A UNE é favorável à padronização, de acordo com o deputado.

O relator Vicente Candido disse que a exclusividade faz parte do acordo entre estudantes e artistas. Sobre a fiscalização, ele disse que o governo estabelecerá os mecanismos para acompanhar a emissão dos documentos.

*Com informações do site da Câmara dos Deputados

 

Anúncios

Ana Carolina apresenta o show Ensaio de Cores em Santos

Ingressos à venda de segunda a sábado, das 13h às 19h no local ouwww.ingressofacil.com.br

Av. Gen. Francisco Glicério, 206
Campo Grande – Santos – SP
 (13) 4062-0177

Maria Gadú faz show em Santos

Maria, Cesinha, Caneca, Doga, Gastão, Maycon: seis partes que formam “Mais uma Página”, segundo álbum de estúdio de Maria Gadú. Lançado em dezembro pelo slap, da Som Livre, o CD, produzido por Rodrigo Vidal, é um “disco de banda”. O repertório traz 14 faixas, sendo oito delas autorais, e conta com as participações especiais do português Marco Rodrigues e de Lenine. Sábado, dia 8, às 23 horas, no Ilha Porchat Clube. Ingressos: R$ 60 (inteira) e R$ 30 (meia).

Oscar Filho se apresenta em Praia Grande no feriado

 O humorista e apresentador do Programa CQC apresenta o melhor show de stand-up comedy, eleito pelo “10º Prêmio Jovem Brasileiro”, em Praia Grande. Oscar Filho reúne os melhores textos apresentados ao longo de mais de três anos de estrada, e visto no Brasil por aproximadamente meio milhão de espectadores. Vida pessoal e fatos do cotidiano fazem parte do repertório do show, porém com o sarcástico ponto de vista de Oscar Filho, que acaba colocando em prática toda sua experiência de ator e complementa os textos com encenações e caretas impagáveis, garantindo as gargalhadas da plateia. Sexta, dia 7, às 20 horas, no Palácio das Artes. Ingressos: R$ 60 (inteira).

Ary Toledo faz show em Praia Grande

Após 10 meses, o mestre do riso está de volta a Praia Grande, sempre com novidades em seu show. Em 2012, Ary Toledo comemora 50 anos de carreira musical e humorística, durante a qual criou um acervo de 65 mil piadas catalogadas, 20 livros e 10 CD’S e com a possibilidade de entrar para o guiness como o maior colecionador de piadas. Ary Toledo, junto com Chico Anysio, Jô Soares e José Vasconcelos são os mais antigos humoristas do formato Stand Up Comedy, gênero que foi introduzido no Brasil na década de 60. Sexta, dia 20, às 20h30, e sábado, dia 21, às 21h, no Palácio das Artes de Praia Grande. Ingressos: R$ 50 (inteira).

Escola Livre de Dança apresenta o espetaculo Novos Rumos VI e convidados no Municipal

A Escola Livre de Dança, sob a coordenação de Patricia Ricci, fará o espetáculo “NOVOS RUMOS VI”, com a participação do Ballet Jovem de São Vicente e Ballet Eliana Marques – Guarujá.

Serão apresentadas coreografias feitas pelos coreógrafos: Patrícia Ricci, Melissa Ricci, Andressa Marques e Alexandre Almeida e que foram selecionadas em grandes competições de dança do país. Dentre eles, o Festival Dançar á Vida –Secult Santos, Festival Passo de Arte – Indaiatuba, Prêmio Desterro de Dança – Florianópolis e o Festival de Dança de Joinville – Santa Catarina.

Ingressos com preço único de R$12,00 (crianças até 5 anos não pagam), a venda na bilheteria do Teatro no dia do espetáculo ou com o elenco das cias de dança.

Para maiores informações:  (13)3221-1723
Escola Livre de Dança – Rua Antônio Bento, nº49.

Terça Insana 2012 – Antes que o mundo acabe no Teatro Coliseu em Santos

O show aborda o fim do mundo que, segundo a profecia Maia, se aproxima. De forma muito bem humorada, o roteiro apresenta cenas e textos inéditos, além de várias personagens clássicas, expondo suas dúvidas a respeito do fim do mundo.

Classificação: 14 anos.
Ingressos: R$ 60,00 e R$ 70,00 (pagam meia entrada pessoas acima de 60 anos, professores e estudantes)

Compre Ingressos aqui

Teatro Coliseu (Rua Amador Bueno, 237 – Centro Histórico – Santos/SP)

21:30

Dias 13, 14 e 15 de Julho

Denise Fraga se apresenta no Coliseu em Santos

Sem Pensar-  Com Denise Fraga no elenco, a peça passa em uma cidade não especificada, onde o pai perdeu seu emprego depois de ter um caso com a chefe e a mãe não o perdoa, assunto de intermináveis discussões. Por causa da crise financeira a casa foi refinanciada e um jovem subinquilino, Daniel, alojado. Daniel tem 21 anos, e seu quarto é bem em frente ao da pré-adolescente de 12 anos, Delilah. Impulsionada pela pressão de suas quatro melhores amigas às vésperas de seu aniversário, Delilah desenvolve uma paixão por Daniel que se torna complicada quando a namorada de Daniel vem passar o fim de semana. Sábado, 30 de junho às 21 horas, e domingo, 1 de julho, às 20 horas no Teatro Coliseu. Ingressos de R$ 50 a R$ 70 (inteira).

Marco Luque apresenta seu solo ” Labutaria ” no Coliseu em Santos

Marco Luque, ator, apresentador e comediante está de volta à Santos com o espetáculo solo “Labutaria”, uma comédia com personagens que chega após o enorme sucesso de seu Stand-Up “TamoJunto!”.

Novamente sozinho no palco, Luque interpreta 5 personagens inspirados no trabalho de profissionais íntimos do nosso dia a dia, o motivo da idéia do nome do espetáculo, porém totalmente distintos em suas caracterizações, reiterando todo o seu talento na criação dos textos, na sua versatilidade e agilidade em cena.

Durante os 90 minutos do espetáculo, o público vai assistir a um delicioso e engraçadíssimo desfile de tipos populares, entre eles o hiperativo Betonera, um personagem de peso que promete deixar a platéia sem fôlego.

Completam o show quatro de suas criações mais famosas do grande público: Mustafary, um vegetariano preocupado com a sustentabilidade do planeta, o motoboy Jackson Five e seu preciso relato sobre a difícil convivência entre motos e carros nas Metrópoles, o taxista Silas Simplesmente, que incrementou seu taxi para agradar aos famosos e Mary Help, uma diarista engraçadíssima que Luque não apresenta há alguns anos, mas que já tem lugar garantido na preferência de seus fãs e na lista das criações inesquecíveis do ator.

Dia: 22, 23 e 24 de junho

LOCAL: Teatro Coliseu
Ingressos AQUI

De R$ 60,00 a  R$ 80,00
Duração
Aproximadamente 90 minutos.